Complexo mixed-use focado em saúde chega em Anápolis

O projeto integra shopping, residencial, clínica e hospital em um só espaço, que tem orçamento de R$ 190 milhões.

Anápolis volta a se destacar no Centro-Oeste, agora com a construção de um complexo de uso misto voltado para a saúde. Com consultoria do Hospital Sírio-Libanês, referência nacional no ramo, o empreendimento contará com espaços para moradia, lazer, espaço hospitalar e consultas em uma área de quase 50 mil metros quadrados. A entrega está prevista para o ano de 2023, mas o lançamento oficial acontece no próximo 25 de maio.

O grande crescimento econômico da cidade foi o que motivou a criação do projeto, assinado por ABL Prime, Atmo Desenvolvimento Imobiliário, Queiroz Silveira Construtora e Incorporadora e CRD Medicina Diagnóstica. Com quase 400 mil habitantes, Anápolis passou a ter uma crescente busca por serviços de saúde, se tornando uma região referência para cidades e municípios vizinhos.

Endereço Estratégico

O endereço fixado na Avenida Goiás e ao fundo da Igreja Sant’Ana é estratégico, já que fica no centro – onde se concentra grande parte das clínicas da cidade. Em entrevista ao O Popular, o diretor executivo da ABL Prime, Marcos Nakamura prevê diversas inovações para o futuro de Anápolis e uma delas é o compartilhamento de serviços.

A novidade trará 252 salas e ferramentas tecnológicas para otimizar o atendimento. Além de um sistema integrado de dados e um aplicativo exclusivo, serão oferecidos serviços de concierge, de contabilidade, jurídicos e até mesmo de faturamento, que poderão ser requeridos com a modalidade pay-per-use. Além disso, algumas opções serão oferecidas para uso compartilhado, como é o caso de carros, carregador para carros elétricos, salas de reunião e videoconferências, auditório e central de auto socorro.

Quanto ao espaço residencial, serão 156 apartamentos de um e dois quartos. Essa será uma saída viável para a demanda crescente de universitários e executivos na cidade, bem como para famílias com menos número de integrantes.

Cleberson Marques, diretor de negócios da Atmo Desenvolvimento Imobiliário, comentou ao O Popular que “a intenção é explorar o grande potencial de desenvolvimento do mercado imobiliário, com maior verticalização e inovação, como aconteceu em outras cidades de médio porte com forte industrialização no país, como São José do Rio Preto e São José dos Campos”.

Cita, ainda, que os idosos que moram sozinhos terão a confiança do Gran Senior Care, que oferece serviço de atendimento domiciliar de saúde e outras facilidades – e encerra dizendo que “a proposta é agregar diversos serviços que oferecerão facilidade e comodidade em um só lugar, para usuários e profissionais médicos”.


O empreendimento

  • Nome: Gran Life Medical Complex
  • Investimento previsto: R$ 190 milhões
  • Área construída: 50.000 metros quadrados
  • Localização: Avenida Goiás, ao fundo da Igreja Sant’Ana, Centro
  • Estrutura: Home service (torre residencial com serviços), shopping, centro clínico e hospital de alta complexidade
  • Apartamentos na torre residencial: 156
  • Lojas no shopping: 55
  • Salas no centro clínico: 252
  • Leitos no hospital: 89 convencionais / 20 de UTI
  • Lançamento: 25 de maio
  • Início das obras: novembro de 2019
  • Previsão de entrega: 2023

Fonte: Lúcia Monteiro – Jornal O Popular

Goiânia, segunda-feira, 13 de maio de 2019

ano 81, número 23.872

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *